Rebel: Imagens, palavras..minha essência... um amigo da natureza

Rebel

LOOKING IN WINDOW


R.E.B.E.L - Most View- - Week- Top Ten

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Há um prazer nos bosques

Há um prazer nos bosques
Há uma êxtase 
no estar solitário,
na sombra das árvores 
na mata nativa, 
junta  as folhas 
caídas no chão
de tantos 
outonos e invernos
tantos tempos
no chão
no fim de tarde,
árvores...
junto cachoeira,
águas...
que correm mata abaixo.  
Não é só isolamento
é onde a sociedade 
fica longe de nós, 
onde ninguém 
se intromete.
Onde restam frestas,
e,
frestas das copas das plantas, 
vejo entre o verde,
o horizonte profundo,
ouço a música  
dos pássaros.
É, estar aqui,
não é amar 
a humanidade a menos,
mas a natureza mais,
De tudo o que pode ser, 
ou ter sido antes,
para misturar-se 
com o universo,
e sentir-se  natureza.
O que nunca fiz
não posso expressar, 
mas há a dor,
que nós podemos expressar,
algo assim,
ainda que não,
podemos todos
em, 
sob tu céus  
dos que não amam a natureza,
há um céu profundo e escuro,
é a sombra,
a dor, 
da devastação do homem, 
senão o seu próprio,
Quando, 
por um momento, 
como uma gota de chuva,
Eu afundo nas tuas profundezas 
borbulhando como um gemido,
Meus passos 
são sobre os teus caminhos, 
tuas matas,
cantos,
nos teus campos.