Rebel: Imagens, palavras..minha essência... um amigo da natureza

Rebel

LOOKING IN WINDOW


R.E.B.E.L - Most View- - Week- Top Ten

domingo, 23 de outubro de 2016

Um Jogo Perdido.


....
Dostoiévski,
dizia:
Nem o homem,
nem uma nação, 
podem existir 
sem uma ideia...
Um Pais se constrói 
com 
a ideia 
que temos futuro,
o Brasil tem,
e como tem,
jeito...
Como pessoas 
a ideia da ética,
deveria 
ser contagiosa 
no país. 
Sempre 
será preferível corrigir, 
recuperar, 
e educar um 
ser humano 
que 
cortar-lhe a cabeça.
Será que como pais 
teremos jeito.
Sempre seremos 
e
Somos 
responsáveis,
pelas
nossas condutas...
no crime 
é preciso,
o castigo,
sim 
é preciso 
e muito...
os dois,
e se não 
andarem juntos...
estamos lascados,
Como
um
Livro 
de Fiodor Dostoiévski.
tanto nos influencia 
na vida.
Crime e Castigo,
devem andar juntos
senão
estamos perdidos.
O livro
foi escrito 
na Rússia do século XIX.
Ação 
repleta de má-fé,
logro, 
engôdo,
engano, 
ludibriar.
má-fé.
levar vantagem,
violações éticas...
Enganações,
Todas por si só, 
precisam ser punidas.
O Brasil no campo 
da ética e moral,
é um Jogo perdido. 
Inquéritos, 
investigações, 
bloqueios de bens, 
pedidos de falência. 
Perdidos na lentidão,
onde
fica a impressão 
de que há moralização,
mas
sejamos sinceros
na politica e no judiciário
é tudo um jogo perdido, 
neste país, a continuar assim.
Se usa trapaças 
para levar vantagem,
isso
há tempos,
ocorrem,
como 
passar o  sinal vermelho até 
furar a fila.
Ninguém têm licença especial 
para violar as regras éticas 
mais elementares...
mas muitos parecem que tem.
As trapaças, enganações 
sempre existiram. 
Como se fossem esperteza, 
levar vantagem 
já que é tão comum aqui.
Mas é preciso 
coibir as deslealdades..
até nos crimes planejados.
Na ambição do sucesso, 
sem pensar nem racionalizar, 
muitas vezes, pessoas  
se colocam 
à frente dos valores éticos,
os seus diabólicos desejos,  
de progresso e sucesso
presentes até
nas profundezas da alma. 
Somos responsáveis,
nossas condutas...
como
no crime é preciso o castigo,
sim é preciso e muito...
e
os dois,
andarem juntos..
As coisas mais insignificantes 
têm às vezes maior importância 
e é geralmente 
por elas que a gente se perde
para virar o placar do jogo.
ou continuamos com
"Jeitinho brasileiro", 
trapaceando.
Nem tudo está 
perdido há
esperança.
e com ela  a ética,
ai  
a esperança de 
que o jogo nunca 
está perdido.
Mas ninguém têm 
licença especial 
para violar regras éticas 
mais elementares...