Rebel: Imagens, palavras..minha essência... um amigo da natureza

Rebel

LOOKING IN WINDOW


R.E.B.E.L - Most View- - Week- Top Ten

domingo, 6 de setembro de 2015

O SOFRIMENTO


PAPOULAS, upload feito originalmente por *...REBEL..*.
Enquanto vivermos neste mundo, 
não haverá só flores,
haverá problemas.
alguns solúveis,

outros insolúveis.
Se, em alguns desses momentos, 
nós perdermos a esperança
e nos desencorajarmos, 
acabaremos diminuindo
nossa capacidade de enfrentar dificuldades.
Se, por outro lado, 

lembrarmos que não apenas nós,
mas todos têm que passar por
PRIVAÇÕES, DORES E SOFRIMENTOS.
esta perspectiva mais realista aumentará
a nossa determinação e capacidade de vencer os problemas.
Sem dúvida, com essa atitude, cada obstáculo
novo,

pode ser visto como mais uma oportunidade
valiosa para melhorar nossa mente..
Assim, podemos nos empenhar gradualmente
para nos tornarmos mais compassivos..

ou seja,
podemos desenvolver tanto uma solidariedade genuína
pelo sofrimento dos outros,

quanto a força de vontade
para ajudar a curar suas dores.
Como resultado, nossa própria serenidade
e força interior irão crescer.
Precisamos da compaixão e do amor,

que trazem
a maior felicidade possível simplesmente porque
a nossa natureza os desejam acima de tudo.
O amor encontra-se na própria fundação 

da existência humana.
todos o devemos partilharmos uns com os outros.
Por mais capaz e habilidoso que um indivíduo possa ser,
deixado só, ele não sobreviverá.
Por mais vigoroso e independente que alguém
possa se sentir durante os períodos 

mais prósperos de sua vida,
quando fica doente, seja jovem ou idoso,
vai depender do cuidado de outros. 

Está claro que a interdependência 
é uma lei fundamental da natureza.
Não apenas formas elevadas de vida,
mas também muitos dos insetos mais minúsculos 

são seres sociais
que, sem religião alguma, sem lei ou educação,
sobrevivem pela mútua cooperação baseada
num reconhecimento inato de sua conexão mútua.
O nível mais sutil de fenômenos materiais também
é governado pela interdependência.
De fato, todos os fenômenos, sejam eles os oceanos,
as nuvens, ou as florestas que nos cercam,
surgem em dependência com padrões sutis de energia.
Sem a interação apropriada, 
eles se dissolvem e se decompõem.
É porque a nossa própria existência
é tão dependente da ajuda de outras pessoas
que a necessidade de amor 

jaz nas próprias fundações de nossa existência.
Por isso, nós precisamos de um senso de responsabilidade 

genuíno
e de uma preocupação sincera pelo bem-estar dos outros.
Temos que levar em consideração
o que os seres humanos realmente são...
Nós não somos como objetos feitos por máquinas.
Se fôssemos seres meramente mecânicos,
então as próprias máquinas
seriam capazes de aliviar nosso sofrimento
e preencher nossas necessidades.
Nada ser  um problema insolúvel..esta
noção moderna de que a vida 
é uma derrota do mal e das trevas para a razão
Penso a partir de profundidades de todo ser, 
cósmicas.
em contraponto ao racionalismo..
profundidades morais, 
pressentindo talvez um perfume trágico 
na experiência do animal humano.
As coisas boas, que escolhemos 

em detrimento das ruins,
somos, na realidade, obrigados, 
nos momentos mais críticos, a escolher 
entre coisas boas, que são tragicamente excludentes.
A existência é uma batalha contínua, 
não no acúmulo de vitórias da 
"razão" sobre as "trevas". 
Ou do "bem" sobre "o mal". 
Aqueles sabem que somos animais do mito, 
enquanto estes os iluministas
creem cegamente 
que somos seres da razão. 
O abismo o caos,
provoca o ser humano, 
e no seu abismo será sensível,
se ele desistir de mentir 
sobre si mesmo.
Photo
Rebel.