Rebel: Imagens, palavras..minha essência... um amigo da natureza

Rebel

LOOKING IN WINDOW


R.E.B.E.L - Most View- - Week- Top Ten

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Letter III, And then how am I to know.

Fale...
do doce encanto,
diante de mim
na singeleza,
te conto,
16 Ago..
ontem fui a missa do dias dos pais, 
celebração,
em forma teatral 
por isso depois do dia...
dos pais,
escrevo...
com
você tudo legal..legal,
me escreva tá...
vou viver mais um fim de semana...
passeando pelo litoral gaúcho...
tenho os meus pais 
aqui
e os seus 
sei,
em Santa Catarina..
Mas no fundo..
gostaria de viver 
num mundo só nosso,
se pudesse 
mais perto 
estar.
Hoje imagino 
em fazer algo 
tao denso e radical.
Seria bom se o mundo 
fosse diferente ...
Sem tantas coisas ruins,
ou melhores,
seria meu paraíso,
Mas, não é assim, 
temos insanidade e caos, 
devemos administrá-lo...
Não há como dizer..
pare o mundo,
quero descer”. 
Não há como fazer 
o sol estacionar 
deixar uma vaga celeste, 
para abrigar 
nós  dois neste canto. 
Não há como fazer 
nem parar a chuva leve ou forte, 
Você sabe que navegar é preciso, 
mas viver é preciso...
muito mais..
então..
vou assim nos 
caminhos insólitos, 
planto o melhor que posso, 
ainda que pouco, 
desfrutando 
os frutos da vida, 
que não me afrontam, 
durante a 
caminhada humilde 
de aprendizados.
E você? 
Estás comigo 
em pensamentos?
Me escreve senão não 
há como saber..
Bom fim de semana..
...................
Ah, não. Tudo isso 

é muito relativo, 
mesmo. 
Não pode levar 
a sério tudo o que 
eu escrevo...
coisas amenas..
é que são...relaxantes.. 
Só aquela parte em 
que eu disse ser ....
você...a coisa..mais..
bela e mais carinhosa.... 
da terra...meu.......amor
lembra..bons tempos..
...................
Aquela como eu que sente 
é porque é de um ser
que tem alma,
olhando teus olhos, 
acalmam a alma..
revigoram, acalma...
graças a Deus 
por ter um coração..
nem tudo será  escrito
ou verbal,
quase em meu estilo...
Palavras 
tento me descobrir,
quem não sabe mentir sou eu..
Eu não sei...como vou saber.
No dia, em sua casa,
que 
fechei a porta na saída..
foi tão forte 
meu desgosto 
e se expressou o ato,
no seu quarto..
o telefone tocou e nada,
e depois
pensei
podia ser alguém..podia ser vc..
Assim  a noite acabou.
Lembranças e histórias..
.....
Longe,
sou como 
um pássaro..
frágil,
longe do ninho, 
Mas te imagino
junto aqui,
neste pôr do sol 
que é lindo..